domingo, 25 de janeiro de 2015

Um dia de cada vez...

...

Ah, hoje seria dia pra tantas palavras,
mas como colocar em ordem quando estou tão bagunçada?

Infelizmente (ou não) não posso tomar decisões pelos outros,
mas por mim, somente e ainda bem...

Se é fácil ou não, se acredito ou não, se vou conseguir ou não,
isso vejo depois,
hoje, agora, preciso de decisão... e depois fazer acontecer!

Acredito que seja assim que funciona...
Primeiro eu sei o que quero pra mim,
ou melhor, e mais importante que isso... eu sei o que não quero pra mim...

Hoje depois de tanta coisa vivida, sei o que preciso do meu lado...

Claro que ainda tenho muito que aprender e conhecer, sei também que ainda vou me decepcionar, mas isso já não depende só de mim... envolve outros.

Mas enquanto algumas coisas estiverem somente em minhas mãos,
vou fazer o melhor...
E agora o melhor a fazer é cuidar bem de mim!
(e confesso que gostaria muito de também poder cuidar de você, cuidar de nós, mas isso não consigo fazer sozinha...)

Sei que o post está confuso!
Mas eu também estou! Confusa e muito triste e magoada...

A partir de agora meu melhor amigo será o tempo...
Um dia de cada vez...

Depois eu volto pra esse meu cantinho,
desabafando coisas boas!
Me prometo...
bj bj 
da Li

Amiga querida diz: 
Você está exausta da tsunami que viveu ano passado.
Dai eu penso: Que vivi? 
A tsunami ainda está com força. 
A grande onda chegou e foi derrubando tudo, 
mas a mare ainda não baixou. 
E a exaustão vem de que apesar de tudo, 
ainda não posso parar de nadar...

_ Patrícia Daltro

Depois li em seguida...


 Boie um pouco pra não se cansar!

_ Isabella Cunha Lawen

É isso aí, Patrícia e Isabella, não posso parar de nadar e preciso boiar...


(imagens google)
...

Nenhum comentário:

Postar um comentário